Entertainment

Vera Moura: “Não fujo da tristeza e da frustração, fazem parte do processo criativo”


Foto: Ricardo Santos

Aos 26 anos, Vera Moura tem a cabeça arrumada e os olhos postos no futuro. Fazendo da representação o seu “plano A”, a atriz sabe o lugar que quer conquistar na ficção nacional e os passos a dar para consolidar a sua carreira. Focada no trabalho, Vera faz das personagens companhias diárias, perde tempo a conhecê-las, a imaginar-lhes vidas e histórias que trazem um “caos” criativo à sua vida organizada, onde tudo tem um lugar.

Contudo, quando não está a gravar ou em palco, a atriz veste a sua própria pele, a de uma jovem divertida que adora dar gargalhadas e fazer piadas. Espontânea e espirituosa, é a companhia supreme para uma saída de amigos, mas sem grandes “maluquices” à mistura. Também é a mulher que cultiva o seu lado mais solitário, que gosta de estar consigo própria numa introspeção onde não cabe mais ninguém.

Numa altura em que está a colher os frutos do seu trabalho, a artista sentou-se à conversa com a CARAS e revelou quem é na vida que acontece longe das câmaras e os sonhos que pautam um caminho que se faz de entrega, paixão e, acima de tudo, de muito trabalho.

Uma entrevista para ler na edição n.º 1396 da revista CARAS.



Source hyperlink

Leave a Reply

Your email address will not be published.